HINUKAN
DEUS DO FOGO

Hinukan – Deus do Fogo

                                                                                                                    Shinji Yonamine

O Hinukan representa a energia cósmica de transformação que faz parte do nosso meio, ela está relacionada ao Utaki – Bosque Sagrado que representa a mãe natureza, e num plano acima temos o Nirai Kanai, que é uma energia cósmica que envolve a natureza. Assim, em Okinawa, para reverenciar o Nirai Kanai faz-se uma oração na praia voltada para o além-mar, criando um círculo de leste ao oeste com o Utaki – Bosque Sagrado…

 E tem como plano superior denominado Obutsu Kagura, considerado um plano angelical onde está o divino, assim podemos considerar por esta relação, uma conexão direta através do Hinukan como sendo um mensageiro que nos leva a Deus.

Nas casas em Okinawa, o santuário da família, Butsudan ou Gwansu, é onde são reverenciados os antepassados, fica na sala principal e o Hinukan fica na cozinha, que é a forma mais antiga de reverenciar os deuses, este culto é considerado mais importante que o culto aos antepassados.

No passado, o Hinukan era constituído por três pedras representando o fogão primitivo. Atualmente, como o Hinukan é um elemento cósmico, todos os materiais utilizados: vasos, incensário (koro) e o pires são de cor branca, e todos os seus componentes têm relação com a natureza.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

foto    -   http://hinukan.cart.fc2.com

 

 

Simbologia

  • Vaso com folhas verdes: Representa à natureza.  No Japão OYA (pai) é representado por três letras individualmente, tem como significado: olhai uma árvore de pé. Isto é, a  folha fortalece o galho, o galho o  tronco, e o tronco fortalece a raiz, deste modo o Hinukan tem um significado profundo na relação familiar;

  • Água: Vida;

  • Sal: Purificação;

  • Arroz e Moeda: Fartura;

  • Saquê: Considerado a bebida dos deuses;

  • Koro ou Incensário: Como base de sustentação para o incenso, tem sido utilizado areia do mar onde existe movimento contínuo das ondas ou mesmo do rio onde bate a correnteza e também a terra lavrada continuamente.

Dependendo do costume familiar, há pequenas diferenças quanto à composição das oferendas.

Os rituais do Hinukan são dirigidos sempre pela mulher mais idosa da casa. Ela oferece as orações no 1º dia e no 15ª dia de cada mês ou em ocasiões especiais. Os homens normalmente não rezam no Hinukan, pois o domínio deste lugar é da mulher.

São acesos, 15  senkos  (incensos), em reverência aos 12  signos, e mais 3 que representam o divino.

A água é trocada, todos os dias de manhã.

No Hinukan não há uma oração específica.

Normalmente a pessoa que comanda o ritual do Hinukan, utiliza o sal para fazer um saquinho (patuá) para os elementos da família usarem como proteção.

Ugan bututi é quando se dá o término das atividades no Hinukan. Considera-se que a partir do dia 24 de dezembro até o dia 04 de janeiro, a energia do Hinukan vá prestar contas com as divindades.

Quando algum filho, mudar de residência e quiser cultuar o Hinukan, ele leva um pouco das cinzas do Koro da família.

Caso a senhora que cuida do Hinukan venha a falecer, quem dá continuidade nos rituais será a sua nora ou a pessoa mais idosa da casa.